Menu
Menu
  • Home
  • Geral
  • Assistência Social promove capacitação em Cordeiro

Assistência Social promove capacitação em Cordeiro

Assistência Social promove capacitação em Cordeiro
Ação foi voltada para educadoras da Unidade de Acolhimento
IMPRENSA CORDEIRO – CIDADE EXPOSIÇÃO
Os profissionais ligados à Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos de Cordeiro continuam promovendo ações voltadas ao bem estar da comunidade. Dessa vez, na terça-feira, 23, foi a vez de a equipe realizar um trabalho intensivo de capacitação para educadoras sociais cujo trabalho será destinado à Unidade de Acolhimento de Crianças e Adolescentes de Cordeiro.
De acordo com a secretária Letícia Reis, o encontro teve como objetivo garantir que uma troca de conhecimentos entre as educadoras aumente consideravelmente a qualidade dos atendimentos, sendo que a supervisão esteve sob responsabilidade do experiente coordenador do CREAS de Cordeiro (Centro de Referência Especializado de Assistência Social), Robson Cordeiro, que destacou temas relacionados às múltiplas questões que fazem parte do cotidiano das crianças e adolescentes acolhidos.
Para ofertar uma visão mais abrangente às profissionais educadoras, foi apresentada a legislação brasileira vigente, que reconhece e preconiza a família como uma estrutura vital, apontando-a como um lugar essencial à humanização e socialização da criança e do adolescente. “Ou seja, cumprimos nosso dever de mostrar que o ambiente familiar é o espaço ideal e privilegiado para o desenvolvimento integral dos indivíduos, para que eles possam se adequar da melhor forma ao convívio em sociedade”, esclareceu Róbson Cordeiro.
Ainda dentro desse contexto, Róbson colocou às educadoras que quando a família não consegue esse intento, por várias razões internas ou externas, a proteção dessas crianças e adolescentes fica a cargo do Poder Público e da sociedade, sempre na perspectiva do cuidado geral com os mesmos, objetivando o fortalecimento familiar.
No encontro foram apresentadas e discutidas ainda as atribuições das educadoras para melhor otimização do funcionamento da referida unidade, sempre no entendimento de que as crianças e os adolescentes têm direitos e que esses devem ser amplamente garantidos. “Quero parabenizar o Róbson pela orientação e desejar que as educadoras possam realizar um excelente trabalho com os acolhidos”, disse o presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Cordeiro (CMDCA), Vinícius Melo, que acompanhou os trabalhos.
TEXTO – RICARDO VIEIRA / FOTOS – DIVULGAÇÃO

Seu cadastro foi enviado